Palocci: no ritual da corrupção até a saída do governo segue o mesmo roteiro:
Ele ficará na companhia de Dirceu e da também ex-ministra da Casa Civil Erenice Guerra
http://www.sidneyrezende.com - Rio de Janeiro, 08/06/2011 05:082
A segunda queda de Antonio Palocci no governo petista segue o ritual de sempre: tenta-se segurar o companheiro até o último momento.

E há, igualmente, as mesmas desculpas que a companheirada adora.

Os petistas são o alvo da "grande imprensa" e vítimas dos "embates políticos".

Petistas que já chegaram a montar até um "governo paralelo" na época do tucano Fernando Henrique Cardoso.Impressionante como homens iguais Palocci não se mostram constrangidos diante do inexplicável - a não se a admissão da verdade dos fatos.

Nem a ação do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, mandando arquivar denúncias contra o ex-ministro, amenizou a agonia.

A crise ficou maior do que os bons serviços de um procurador que necessita do aval exclusivo da presidente Dilma Rousseff para manter-se no cargo.

Neste caso, é bom lembrar que já houve situação bem pior. Nos dois governos de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), Geraldo Brindeiro, ganhou o apelido de "engavetador-geral da República", por não agir contra os detentores do poder.

Agora, Gurgel demonstrou que seu apego ao cargo é também maior do que qualquer postura digna de figurar na luta pelo combate à corrupção.

Até as estrelas dos céus de Brasília sabem que as tais "assessorias" ou "consultorias" nada mais são do que lobbies pesadíssimos.

E trabalha melhor nesse ramo, claro, quem conhece as entranhas do governo e tem, como Palocci, e o também ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, as credenciais necessárias para mover interesses privados no governo.

Palocci sairá impune.

Afinal, quem paga a conta do assalto ao erário é o contribuinte.

Ele ficará na companhia de Dirceu e da também ex-ministra da Casa Civil Erenice Guerra.

Com um detalhe: deverá faturar menos, em suas "consultorias", por não estar despachando no Palácio do Planalto.

Outro inconveniente: ver a turma que não "caiu" continuar a farra com o suado dinheiro da população.

Infelizmente, a queda de um não muda o enraizado esquema.

Decore x Lucro Distribuido Isento


Google
 

Publicidade de Resultado:
Promoção do Mês: 500 a 1000 clicks
Empresarial: Inserção da Publicidade em 30 paginas chaves lider de pesquisa